“Recicla Pedreiras” prevê incentivar o descarte correto no lixo no município

A Prefeitura de Pedreiras, através da Secretaria de Meio Ambiente e da Defesa Civil, lançará em julho, o Programa “Recicla Pedreiras”, com intuito de dar início a coleta seletiva de lixo.

A coleta seletiva é o primeiro e o mais importante passo para fazer com que vários tipos de resíduos sigam seu caminho para reciclagem ou destinação final ambientalmente correta, pois o resíduo separado corretamente deixa de ser lixo.

Aqui, a separação será realizada inicialmente no comércio, com os materiais de papelão e plástico. Após uma primeira etapa, a coleta será feita nas residências.

A ideia, segundo o secretário de Meio Ambiente, Aldiclei Farias, é estimular o comércio local na separação do resíduo reciclável.

“A partir dessa separação nós poderemos dar um melhor destino para os resíduos. Hoje, tudo é coletado junto e depositado no lixão da cidade, acumulando muita produto que deveria ser reaproveitado. Sem falar na geração de renda, tendo em vista que o papelão, plástico, alumínio, têm um bom valor comercial”, lembra o secretário.

Os matérias coletados serão encaminhados até um galpão, onde uma equipe especializada fará a triagem dos resíduos, que passarão por prensas e comercializados.

Como fazer?

As lojas ou as residências só devem separar o comum do reciclável e a equipe da Prefeitura Municipal se responsabilizará pelo restante do processo.

O que NÃO é reciclável?

Papéis não recicláveis: adesivos, etiquetas, fita crepe, papel carbono, fotografias, papel toalha, papel higiênico, papéis e guardanapos engordurados, papéis metalizados, parafinados ou plastificados.

Metais não recicláveis: clipes, grampos, esponjas de aço, latas de tintas, latas de combustível e pilhas.

Plásticos não recicláveis: cabos de panela, tomadas, isopor, adesivos, espuma, teclados de computador, acrílicos.

Vidros não recicláveis: espelhos, cristal, ampolas de medicamentos, cerâmicas e louças, lâmpadas, vidros temperados planos.

Seja o primeiro a comentar

Faça um comentário

Seu e-mail não será publicado.


*