Vereador Marcos Paraíba fala sobre projetos e irregularidades na Câmara Municipal de Olho D’água das Cunhãs

Em Olho D’água das Cunhãs o vereador Marcos Paraíba juntamente com outros parlamentares protocolaram um projeto de lei que reduz a carga horário dos profissionais da saúde de 40h para 30h semanais.

Essa ação foi um sonho realizado para os enfermeiros que tem uma jornada de trabalho exaustiva, mas que logo acabou pois o PL foi negado, onde o presidente da câmera disse que o projeto tem votos unânimes da comissão mas os vereadores da comissão são  Vereador Américo , Cláudio e Bete, porém não tem assinatura da mesma e por isso não foi unânime.

O que chega a ser mais chocante é que nas mídias sociais a cidade de Olho D’água mostra ter uma boa qualidade em  saúde, mas ninguém mostra que passou 2 semanas sem insulina , que a prefeitura fez um gasto de 117 mil de oxigênio, que não foi usado pois eles escolhem tirar o oxigênio do paciente e mandar para casa.

Além do mais, Marcos faz mais uma queixa referente aos servidores públicos da educação que receberam uma notícia no início do ano referente a prestação de contas da antiga gestão de Viliane, onde ficou cerca 60% da folha de pagamento de empenho para ser pago em dezembro, que sobraria 273 mil reais.

Porém o executivo e a secretaria usam a desculpa que não podem pagar esse abono,  alegando a lei n°173, que seria então pago só no próximo ano, sendo que essa mesma lei já foi ignorada de forma favorável para aumentar o salário do prefeito e dos secretários.

Essas ações mostram que cada vez mais a Câmara Municipal de Olho D’água das Cunhãs tem se tornado na extensão da casa do Prefeito onde só acontece o que tem sua autorização.

Confira:

Seja o primeiro a comentar

Faça um comentário

Seu e-mail não será publicado.


*